Quase Uma Rockstar

Quase Uma Rockstar (All Together Now) *****
Quase Uma Rockstar Elenco: Auli’i Cravalho, Carol Burnett, Fred Armisen, Justina Machado, Judy Reyes, Rhenzy Feliz, Taylor Richardson
Direção: Brett Haley
Gênero: Drama
Duração: 92 min
Ano: 2020
Classificação: 10 anos
Sinopse: “Amber Appleton (Auli’i Cravalho) é, por natureza, uma otimista incorrigível, embora sua vida seja mais complicada do que aparenta. Aluna do ensino médio com grande talento para a música, Amber tenta conciliar o trabalho, a vida e alguns difíceis segredos sempre com um sorriso no rosto, na esperança de conseguir estudar na Carnegie Mellon. Mas quando novos obstáculos ameaçam seus sonhos, Amber precisa aprender a contar com a família que ela escolheu e seguir em frente.” Fonte: Filmow.

Comentários: Amber é aquele tipo de pessoa que está sempre com um sorriso no rosto, disposta a fazer de tudo para que as pessoas ao seu redor tenham um vida melhor. Para ajudar a mãe financeiramente trabalha em uma loja de donuts, ensina inglês a um grupo de coreanas sempre de forma descontraída e faz companhia a idosos moradores de um casa de repouso local, além de incentivar seus amigos e colegas a mostrar seu talento, seja ele qual for. Ela também tem e mostra o próprio talento: uma voz incrível que pretende soltar oficialmente como aluna da Carnegie Mellon, onde conseguiu vaga para uma entrevista. Porém sua vida é carregada de problemas, e ela esconde de todos a triste realidade de que vive no ônibus escolar dirigido por sua mãe junto com ela e seu melhor amigo, o cachorro Bobby.

Adaptado de um livro de Matthew Quick, autor de “o Lado Bom da Vida”, Quase Uma Rockstar é um longa metragem lançado pela Netflix na última sexta feira , dia 28, voltado principalmente para o público adolescente e jovem adulto. Se pelo título você imaginou um musical alegre e divertido, porém, já fica o alerta de que ele não só não é exatamente um musical, como trata de alguns assuntos pesados como luto, violência doméstica e alcoolismo, ainda que superficialmente. Por outro lado carrega uma mensagem bem bonita de companheirismo e superação de obstáculos, que são os pontos chaves da história. Por ela almejar ser cantora achei que teria mais músicas nesses momentos da trama, o que eu gosto bastante, mas me enganei… Ainda assim a trilha sonora é super leve e bonitinha.

Cena do filme "Quase Uma Rockstar", da Netflix, que retrata a personagem principal, Amber, em frente aos escaninhos do colégio onde estuda conversando com seu colega e amigo, Ty.
Quase Uma Rockstar: Imagem via Exitoína

Eu achei a primeira metade do filme um pouco lenta, até que bem no meio teve um acontecimento que realmente não esperava e me deixou chocada, uma surpresa interessante para o enredo que não está no trailer. Depois disso, porém, me irritei bastante com a Amber em diversos momentos, de tão orgulhosa que ela é! No início era uma coisa boba ou outra, que poderia ser justificada com timidez ou algo do tipo, mas depois da mudança no rumo da história chega a ser arrogante o modo como ela trata as pessoas que se preocupam com seu bem estar… Ao mesmo tempo que é uma pena, por ser uma personagem com tanto potencial de passar pro expectador uma mensagem de positivismo e ajuda ao próximo de forma saudável, é legal aprender através dela o quão danoso pode ser assumir esse tipo de atitude, principalmente em momentos em que mais precisamos.

Assim como em Dançarina Imperfeita, outro lançamento recente da mesma plataforma, senti que faltou aprofundamento maior na personalidade das personagens secundárias, em especial os amigos da protagonista, que aparentam ter muito potencial mas acabam ficando bem apagadinhos. Lendo as opiniões de pessoas que leram o livro tive a impressão de que foi uma “falha” da adaptação, mesmo, que deixou algumas questões do livro bem rasas. Ao mesmo tempo que é compreensível, porque é sempre necessário fazer cortes pra encaixar o mais importante no filme, fico me perguntando se não era possível adicionar uns minutos a mais com esse objetivo, já que ele tem apenas uma hora e meia, é bem curtinho… De um modo geral é uma opção legal para quem gosta de tramas adolescentes levinhas para passar o tempo, mesmo sendo um drama não mexe tanto com o emocional, é uma história bem tranquila!

Trailer:

Talvez você goste também de:

4 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *